H-AL na Bienal de Curitiba

Com exposição no Museu Oscar Niemeyer, a H-AL faz abertura da Bienal de Curitiba.



Um dos programas da abertura foi a performance “Oito Visões” que aconteceu no Espaço Araucária, no Museu Oscar Niemeyer. A performance é uma criação de H-AL, dupla composta pelos artistas Alexandre Linhares e Thifany F., que se dedicam à pesquisa e experimentação de superfícies têxteis junto com a participação da Curitiba Cia. de Dança, criada em 2013 por Nicole Vanoni e que reúne artistas com diferentes experiências na dança contemporânea.


A composição é feita através de um outdoor têxtil, na qual fatias de bordados estabelecem diálogos e visões independentes de uma mesma paisagem, totalizando oito diferentes visões de mundo. A apresentação também terá uma segunda data a ser confirmada no mês de novembro de 2018.




H-AL (Alexandre Linhares e Thifany F.)

Performance, arte têxtil e projeção

Título: “oito visões” Assistentes: Caroline Kleina e Mariana Midori

Filmagem e edição: Rafael Niga Luz: Nádia Luciani Assistente de luz: Rafael Araújo Música: César Munhoz Coreógrafo: Claudio Fontan Bailarinos: Tatiana Araújo, Clarissa Moura, Frederick Nicolás, Leonardo Silveira, Danilo Silvestre, Mario Gilberto, David Lopes, Rubens Vidal Apoio: Curitiba Cia de Dança




79 visualizações